Esta rede tem como objetivo criar meios para disponibilizar informações práticas, alternativas e sustentáveis.
Estaremos passando à diante desde "uma receita de bolo" até um super projeto.
A sua parte é essencial para aumentar a corrente de informação e contribuir de forma efetiva
para um mundo ecologicamente sustentável. Participe desta rede, envie Informações, Sugestões,
Projetos, Dicas, Propostas Alternativas, Links, Ajude a Traduzir, Convide seus Contatos !!!  E-mail.
             

 
.
En Español
.
Atenção
Voluntários:
precisamos
traduzir este site
em vários
idiomas.
.
E-mail
.

Projeto: (nome da cidade), Cidade das Frutas

 

 O que é?
 Um projeto sócio-ambiental de complementação vegetal frutífera em regiões urbanas.
 Objetivos
 1- Plantação de árvores frutíferas: ocupar toda área disponível na cidade com uma grande variedade de árvores frutíferas, tanto nativas como as mais conhecidas, em calçadas, praças, ruas para pedestres, escolas, universidades, parques, áreas de terreno de prédios públicos, passeios, beira de rios, praias e lagoas, regiões de comunidades carentes, áreas dentro de condomínios, clubes, associações, shoppings, em beiras de estradas e áreas públicas, como de circulação pública em geral;
 2- Estudos e planejamento: realizar estudos para planejar o maior aproveitamento do espaço disponível, com maior penetração das águas pluviais na terra, e principalmente, para adaptar a arborização as situações de cada local, considerando as redes de energia e comunicação, a segurança, as leis, as áreas de estacionamento, as áreas de proteção ambiental em volta, como também, dentro do possível, as preferências dos moradores em cada local, definindo  também as épocas em que cada tipo de fruteira estará dando seus frutos e o tempo que esta exige de cuidados básicos;
 3- Sequestro de carbono: aumentar a cobertura vegetal como forma de aumentar a captura do carbono na atmosfera para diminuir o aquecimento global, aproveitando para isso cada metro quadrado de terra disponível em áreas de circulação pública urbana para o plantio de árvores frutíferas;
4- Alimentação: permitir que as frutas silvestres, nativas da região, como também, as frutas exóticas, e as mais conhecidas, sejam um alimento de fácil acesso aos moradores e visitantes da cidade, como forma de erradicar as carências de energia, sais minerais e vitaminas da população em geral e, ao mesmo tempo, para se ter acesso a todo tipo de frutas, independente da condição financeira da pessoa, e para se valorizar frutas que são nativas e resistentes ao clima da região, e por consequência, com capacidade para enfrentar melhor uma adaptação às mudanças climáticas, rústicas e com um tipo de informação integradora, necessária aos seres humanos e animais que habitam a cidade;
 5- Queda de barreiras: evitar a queda de barreiras em regiões urbanas, principalmente em áreas de comunidades carentes, ruas e estradas, e áreas degradadas, com o plantio de árvores frutíferas específicas para cada local;
 6- Eco-sistema urbano: integrar plantas, animais e seres humanos em ambiente harmônico, criativo e planejado, como forma de resgatar o contato com a natureza em regiões urbanas, como também, para remodelar os conceitos sobre a convivência com esse meio natural, más principalmente, para se interligar a todos os sistemas vivos do planeta, formando a consciência e o sentido em direção a uma eco-globalização, vital em tempos de mudanças climáticas;
 7- Corredores ecológicos: em regiões urbanas vizinhas a parques ecológicos ou mesmo a áreas preservadas de vegetação nativa, a arborização frutífera urbana representa um eco-sistema alternativo de interligação entre os demais sistemas envolta, unindo assim as áreas naturais e as áreas povoadas, diminuindo a agressão do impacto ambiental gerado pela implantação da cidade.
 8- Agro-florestas urbanas: reflorestar áreas públicas degradadas, localizadas em regiões urbanas, com agro-florestas;
 9- Sombra: utilizar árvores frutíferas para gerar sombra, unindo assim o útil e o agradável, pois, além de refrescar o ambiente urbano em épocas de calor, poderão ser consumidos seus frutos por pessoas e animais, e com o tempo, outros espaços vagos poderão surgir, antes ocupados por arvores apenas de sombra;
 Metodologia de trabalho
 1- Grupo de coordenação: reunir um grupo de voluntários, com pelo menos doze pessoas, para coordenar a implantação do projeto na cidade e dividir as tarefas de comunicação e organização;
 2- Comunicação:

   - A equipe de coordenação entrará em contato com todas as associações de moradores da cidade para apresentar o projeto e buscar parceria e participação ativa dos moradores de cada localidade;

   - Esta equipe também entrará em contato com universidades e todo tipo de entidade de pesquisa, buscando uma parceria ao projeto, para que sejam realizados os estudos que vão dar a base técnica e científica para a realização de todas as tarefas;

   - Da mesma forma, esta equipe entrará em contato com  o governo municipal, estadual e federal para apresentar o projeto e buscar uma ação voluntária por parte do poder público, no sentido de permitir o plantio em áreas de domínio governamental, como também, para uma participação ativa no projeto, sem interferir no espírito de voluntariado, iniciativa e participação das pessoas;

   - Este grupo de coordenadores voluntários se encarregará também de criar e manter o site oficial do projeto (nome da cidade), Cidade das Frutas, no qual serão registrados e relatados os detalhes e a evolução do projeto na cidade, e também, informações úteis, com imagens e texto, incentivando a participação voluntária das pessoas e empresas da cidade, a multiplicação do modelo em outras regiões, a participação de tradutores voluntários para internacionalizar a comunicação do site, e a formação de uma rede virtual de interligação com sites oficiais de outras cidades no mundo que estão realizando um projeto semelhante;

 3- Organização:

   - Cada associação de moradores, parceira do projeto, realizará reuniões incentivando os moradores da sua localidade a serem voluntários, para que estes preparem mudas de fruteiras, as plantem no seu bairro e façam a manutenção, levando em consideração as preferências dos moradores, dentro do campo de possibilidades apontadas pelas recomendações técnicas;

   - Estas associações de moradores poderão receber doações diversas de empresas, governos e entidades educacionais e de pesquisas, como também, de ONGs locais, nacionais ou internacionais, com as quais, o trabalho, o estudo técnico e a organização poderá ficar mais eficiente. Desde mudas de fruteiras até ferramentas, adubo, informação e quaisquer recursos que venham beneficiar a implantação e manutenção do projeto;

 Justificativa
 1- Toda cidade é de fato um sistema vivo, e na maior parte delas, um sistema degradado, pois, sendo esta grande ou pequena, a relação humana no conjunto com plantas e animais reflete o tipo de meio ambiente criado. Quando este ambiente é baseado na valorização das relações naturais, o ser humano se integra a natureza e multiplica a vida no seu habitat, se sente parte desse sistema vivo. Quando este ambiente é baseado no afastamento da natureza e na individualidade, o ser humano permanece continuamente lutando para tentar adaptar-se ao meio que ele mesmo criou, sem conseguir sentir-se parte desse sistema, ou pelo menos, sem identificá-lo como algo vivo;
 2- Em tempos de mudanças climáticas, a mudança no estilo de vida é fundamental para que cada pessoa possa realmente fazer a sua parte em relação a essa crise planetária. E nada melhor do que compartilhar com vizinhos e amigos essa mudança, fortalecendo o convívio, alimentando a comunidade em ambiente familiar, refrescando e decorando a cidade, e trabalhando em equipe para capturar mais carbono e neutralizar o aquecimento global;
 Resultados esperados
 1- Realizar reuniões com a população de cada bairro para apresentar a proposta de trabalho voluntário e conseguir uma ampla participação, esperando que este projeto possa ser melhorado e incrementado com idéias dos participantes;
 2- Multiplicar a idéia de restaurar o ambiente natural desta cidade através de um grande mutirão permanente;
 3- Implementação do espaço virtual do projeto para publicação de informações importantes e resultados, com links para outros sites de projetos semelhantes;
 4- Uma participação ativa das escolas e universidades, tanto no trabalho de campo e pesquisa, como na parte de conscientização das crianças, adolescentes e adultos a respeito da importância da mudança no estilo de vida e na maneira de criar e pensar sobre a própria cidade;

<<<<<<<<<<<<0>>>>>>>>>>>>

 Projeto básico aberto à sugestões.
 Divulgue e aproveite este projeto na sua cidade, e não esqueça de comunicar-se para que possamos formar uma grande rede.
 
 
Projeto: (nome da cidade), Cidade das Frutas
 
Elaborado por: Mario Gabriel Guarino
 
Tel: 55 (21) 9165-0101 , Niterói, RJ, Brasil
 
E-Mail e MSN
 
Agradecemos a participação do Sr. Mario Gabriel Guarino
 

Voltar à Página Principal

 

 

   

 

     
       
   
  www.syntonia.com/terra  
  E-Mail  
  Tel: 55 - 21 - 9165-0101 - Niterói

Rio de Janeiro

 
       

 

Free Web Hosting